Terça-feira, 22 de Março de 2011

escrevam 'olá' num comentário se lerem isto.

Pôr a cabeça em ordem é o que eu estou a precisar de fazer. e pôr a cabeça em ordem implica: ver o TTTTTTT outra vez.

No, seriously now:

  1. Levantar-me 15 minutos mais cedo - 7:30.
  2. Preparar as coisas no dia anterior.
  3. Escrever pensamentos ou ideias parvas.
  4. Reparar coisas que não funcionam bem.
  5. Dizer não mais vezes.
  6. Fazer uma lista de propriedades na minha vida.
  7. Evitar pessoas negativas. (this one is hard)
  8. Olhar para os problemas como desafios.
  9. Sorrir mais. (this one is hard x2)
  10. Estar preparada para o caso de chover.
  11. Ter um banho de bolhas.
  12. Ter mais senso de humor. (this one is hard x3)
  13. Parar de pensar que amanhã o dia vai correr melhor.
  14. Dizer olá a um estranho.
  15. Olhar para as estrelas e pensar.
  16. Respirar devagar e contar até 10 quando estou irritada.
  17. Exprimentar coisas novas.
  18. Parar um mau hábito.
  19. Procurar excelência, não perfeição.
  20. Perder peso.
  21. Plantar uma árvore.
  22. Ter sempre um plano B.
  23. Aprender um novo doodling game. (como se já não soubesse muitos)
  24. Tornar-me numa melhor ouvinte.
  25. Ler em voz alta. (24/03/2011, aula de português, dentes de rato)
  26. Saber as minhas limitações e deixar os outros conhecê-las também.
  27. Fazer exercício.
  28. Fazer aviões de papel.
  29. Limpar o armário.
  30. Exprimentar uma tragectória diferente quando estou a ir para a escola.
  31. Lembrar-me que tenho sempre opções.
  32. Deixar de tentar corrigir os outros.
  33. Dormir o suficiente.
  34. Relaxar.
  35. Ler 10 livros este ano. (1/10)

publicado por killua às 21:39
link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito
|
Domingo, 25 de Abril de 2010

this is not wonderland

All in the golden afternoon
Full leisurely we glide;
For both our oars, with little skill,
By little hands are plied
While little hands make vain pretence
Our wanderings to guide

Ah, cruel Three! In such an hour
Beneath such dreamy weather,
To beg a tale of breath too weak
To stir the tiniest feather!
Yet what can one poor voice avail
Against three tongues together?

 

Imperious Prima flashes forth
Her edict to 'begin it'-
In gentler tone Secunda hopes
'There will be nonsense in it!' -
While Tertia interrupts the tale
Not more than once a minute.

Anon, to sudden silence won,
In fancy they pursue
The dream-child moving through a land
Of wonders wild and new,
In friendly chat with bird or beast -
And half believe it true.

And ever, as the story drained
The wells of fancy dry,
And faintly strove that weary one
To put the subject by,
'The rest next time -It is next time!'


The happy voices cry.

Thus grew the tale of Wonderland
Thus slowly, one by one,
Its quaint events were hammered out -


and now the tale is done,
And home we steer, a merry crew,
Beneath the setting sun.

Alice! a childish story take,
And with a gentle hand
Lay it where Childhood's dreams are twined
In Memory's mystic band,
Like pilgrim's wither'd wreath of flowers
Plucked in far-off land

 

a ler.


tags: ,

publicado por killua às 05:55
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 18 de Janeiro de 2010

first literature.

Sinopse:  Naquele dia quando Clay regressou da escola, encontrou à porta de casa uma estranha encomenda com o seu nome escrito, mas sem remetente. Ao abri-la descobre que, dentro de uma caixa de sapatos, alguém colocara sete cassetes áudio, com os lados numerados de um a treze. Graças a um velho leitor de cassetes Clay prepara-se para ouvi-las quando é sobressaltado pela voz de Hannah Baker de dezasseis anos, que se suicidara recentemente e por quem ele estivera apaixonado. Na gravação, Hannah explica os seus treze motivos para pôr fim à vida, que a cada um deles correspondia uma pessoa e que todas elas iriam descobrir na gravação o seu contributo pessoal para aquele trágico desfecho.

 

Autor: Jay Asher

 

Opiniões:  «Um romance de estreia brilhante e fascinante de um novo a talentoso autor.»  Kirkus Reviews
«Um ritmo alucinante e emocionalmente estonteante.»  School Library Journal
«Os leitores não vão conseguir parar de ler...»  Publishers Weekly
«Misterioso, belo e devastador.»  The Chicago Tribune

 
 

 


publicado por killua às 17:00
link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito
|

mais sobre mim


ver perfil

seguir perfil

. 109 seguidores

pesquisar

 

Janeiro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos

tags

todas as tags

favoritos

need you like water in my...

Letters

SAPO Blogs

subscrever feeds