Domingo, 28 de Março de 2010

You Took My Hand and Danced with Me ♥

Estava a chover . Chovia torrencialmente , imenso . O dia estava horroroso , estava um frio capaz de congelar , o vento empurrava-te para trás , a chuva pareciam lágrimas , que corriam , nunca parávam . Estava sem guarda-chuva , a única roupa que trazia era uma calças justas e uma camisola pouco quente . Corria , não me queria molhar . Não olhei para trás , nem fazia ideia de que ias atrás de mim . Tu tinhas um guarda-chuva . Tinhas um casaco quente sobre ti . Estavas aconcegado . Atravessei a estrada mesmo sem reparar se algum carro passava . Por pouco não fui atropelada . Entrei na loja das gomas . Depois de um dia assim , algo doce seria fantástico ! Apenas ao correres para chegar até mim é que percebi que estavas ali . Tentei ignorar-te , mas não consegui . O impaciente senhor das gomas entoou « Menina , vai querer alguma coisa ? » . Obviamente , respondi que sim . Passei os dois euros por cima do balcão e começei a pedir: « Um chupa pinta-línguas , um cogumelo , duas natilhas , quatro tartitas , uma linea amarela , ... » . Chegas-te ao pé de mim . « Olá. » , disses-te tu . Eu não quis responder , mas o meu coração foi mais forte que eu . « Ah... Olá . » . Continuei a pedir as minhas gomas . Tu tentaste falar comigo , e eu tentei novamente ignorar-te . No final de pedir , o senhor entregou-me as gomas por cima do balcão e eu peguei nelas . Tu fizeste-te de irónico e pediste-me uma goma , noutros tempos , seria eu a querer dar-ta . Eu dei , e tentei seguir caminho . Escondi as gomas no bolso para estas não se molharem e continuei . Vieste atrás de mim . Mantes-te o teu guarda-chuva em cima de mim . Estava a chorar , apesar de não parecer por causa da chuva . Disseste para eu te abraçar , e eu encostei a minha cabeça ao teu peito . Encostei e tu abraçaste-me . Andámos , sempre sem dizer uma única palavra . Até chegarmos a um pátio , a um belo pátio . Tu disseste-me para te dar a mão . Não disse nada , apenas toquei na tua mão . Apesar de o banco do pátio estar molhado , sentámo-nos lá . « Tenho frio. » , disse eu . Lentamente , sem dizeres uma única palavra , tiráste-o e colocáste-o nos meus ombros . Eu senti-me quente . Depois largaste o guarda-chuva . Levantaste-te e pediste-me para te dar a mão novamente . Eu dei . Foi aí que disseste, « Vamos dançar » . Sorri , pela primeira vez naquele momento e começei a rodopiar nos teus braços . Tu abraçaste-me , nunca me deixas-te cair . Estiveste sempre lá , como sempre estiveste mas nunca tinha reparado nisso . Senti que te amava . E foi aí que disseste o que eu estava á espera . Começou a chover ainda mais . Ficámos parados , mesmo juntos um ao outro . Encostas-te a tua boca ao meu ouvido , e sussuras-te  « Amo-te . » . O meu coração e a minha cara encheram-se de lágrimas . E até gritei , mesmo a altos berros , « EU AMOOO-TE !! » . E dançamos de novo , e foi aí démos o primeiro beijo . Encostá-mos os nossos lábios uns aos outros e senti o teu hálito . Senti os teus lábios secos a molharem-se com os meus molhados . Senti que te amava , que tu me amávas , que a nossa história seria sempre intitulada de conto de fadas .

 

Acordei sobressaltada , eram horas de ir para a escola . Big dream .

música: Almost Lover - A Fine Frenzy
tags: , , , , , , , , , ,

publicado por killua às 23:08
link do post | comentar | ver comentários (147) | favorito
|

mais sobre mim


ver perfil

seguir perfil

. 109 seguidores

pesquisar

 

Janeiro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

arquivos

tags

todas as tags

favoritos

need you like water in my...

Letters

SAPO Blogs

subscrever feeds